terça-feira, 11 de outubro de 2011

Como incentivar uma dieta saudável para crianças?





09/10/2011

No próximo dia 12 de outubro é comemorado o Dia das Crianças. Nessa data os pequenos têm o privilégio de curtir com brincadeiras e passeios voltados para a sua idade, mas sem descuidar da alimentação. Refeições leves  e saudáveis garantem a diversão, mas existe uma grande dificuldade das mães em unir praticidade com qualidade e fazer com que os filhos aceitem o que é servido.

De acordo com a Gerente de Nutrição do HCor – Hospital do Coração em São Paulo, Rosana Perim, é fundamental uma alimentação variada e balanceada, que garanta o fornecimento de energia e todos os nutrientes necessários para o crescimento e desenvolvimento saudável das crianças. O consumo de alimentos variados pode permitir que a alimentação seja mais divertida e gostosa. Comer com moderação e sem proibições é perfeitamente possível, desde que haja orientação dos especialistas.

Para compor uma alimentação equilibrada é preciso seguir os princípios básicos da pirâmide alimentar escolar. Os alimentos estão distribuídos na pirâmide em seis níveis, de acordo com o nutriente que mais se destaca na sua composição.

“No topo da pirâmide estão as gorduras, óleos, molhos para saladas, azeite, margarina e doces em geral. Estes alimentos fornecem calorias e poucos nutrientes e devem ser consumidos com moderação e presentes na preparação dos alimentos. Abaixo desses, estão os grupos de alimentos ricos em proteínas, cálcio, zinco e ferro. São principalmente os de origem animal como leite, queijos, iogurtes, carnes, aves, peixes, ovos e leguminosas (feijão, ervilha, soja, lentilha e grão de bico). No nível seguinte da pirâmide encontram-se os alimentos de origem vegetal como verduras, legumes e frutas, que são importantes fontes de vitaminas, minerais e fibras e, na base da pirâmide, estão os alimentos que devem ser consumidos em maior quantidade, pois fornecem energia ao nosso corpo. As principais fontes são os pães, cereais e massas”, esclarece a Gerente de Nutrição do HCor.

Como inovar o cardápio dos pequenos e compor as refeições de forma variada e saudável:

• Alimentos de todos os grupos: procurar oferecer na alimentação aqueles que forneçam proteínas, gorduras, carboidratos, vitaminas e sais minerais;

• Proporção adequada de alimentos: os alimentos que compõem a alimentação da criança devem atender às necessidades nutricionais diárias;

• Variar sempre que possível os alimentos: variar o consumo de alimentos é uma estratégia importante para obter todos os nutrientes necessários e para tornar as refeições mais divertidas e gostosas. O importante é evitar a monotonia.

Entre as ações que os pais podem fazer para incentivar a ingestão de alimentos saudáveis é tentar deixar as preparações apetitosas para o consumo, incluindo desde frutas frescas como morango, banana, maçã, pêra, salada de frutas, até gelatina, bolo preparado com flocos de aveia, bolo de cenoura, biscoitos caseiros integrais, sucos e água de coco.

“Usar a criatividade decorando os pratos é uma alternativa para chamar atenção das crianças menores. Fazer uma flor com parte do tomate ou montar um boneco com ovo cozido, por exemplo, pode auxiliar a prender a atenção da criança para a alimentação correta. Para os maiores, o ideal é introduzir verduras e legumes na massa e no recheio de tortas, preparar pastéis assados e recheados com verduras e queijo, fazer sobremesas à base de iogurte desnatado ao invés de creme de leite e chantilly, colocar torradinhas de pão integral nas saladas e queijo magro ao invés de parmesão são algumas sugestões. A criança que se alimenta de todos os nutrientes na quantidade adequada brinca mais, tem maior facilidade no aprendizado escolar, cresce e se desenvolve melhor”, sugere Rosana Perim.

Sugestão de almoço, jantar e lanche para os pequenos no Dia das Crianças:

Almoço e Jantar: Arroz e feijão, bolinho de carne, cenoura refogada, salada de alface com tomate e milho e Romeu e Julieta (queijo com goiabada);

Macarrão gravatinha com atum, tomate, orégano e azeitonas, salada de alface com ricota e tomate e sobremesa: salada de frutas;

Arroz e feijão, rolinho de frango ensopado, batata bolinha sauté, salada de alface com tomate e queijo e gelatina colorida;

Arroz e feijão, hambúrguer de frango com molho, creme de milho, salada de tomate com ervilhas e banana assada c/ canela;

Lasanha de frango desfiado com queijo e legumes ao molho vermelho e espinafre picadinho refogado, salada de alface com tomate cereja e beterraba e flan de morango;

Arroz e feijão, bife à parmegiana, batata sorriso assada, salada de alface com milho e ervilhas e pudim de chocolate;

Penne ao sugo, chester desfiado gratinado, chuchu refogado, salada de alface com tomate cereja e gelatina com maçã

Lanches: Bisnaguinha com peito de peru e queijo, leite com achocolatado e maçã;

Bolo de chocolate, suco soja e banana;

Esfiha carne, suco frutas e barra cereal;

Mini pão francês com patê de ricota, água de coco e bananinha;

Bolo de cenoura, chá mate e pêra.

Fonte: HCor – Hospital do Coração em São Paulo