quarta-feira, 5 de abril de 2017

Biorressonância magnética-Vegatest - Para SGNC é uma boa opção

Começando por traduzir SGNC( Sensibilidade ao glúten não celíaca)


Muitas pessoas me perguntam se existe algum exame que diagnostique a sensibilidade ou intolerância ao glúten.

Não existem exames laboratoriais no momento que identifique,mas existe a opção deste exame excelente, porque já fiz e realmente recomendo para quem não está bem.

LEIA MAIS SOBRE ELE:


BIORRESSONÂNCIA- Análise Biofísica do Sistema Fisiológico CONHEÇA MAIS SOBRE O ASSUNTO Tem por base os conhecimentos advindos da Medicina Chinesa e da Homeopatia. Permite o "diálogo direto" com o organismo do paciente. Benefícios do exame: A importância do exame complementar, através do Vegatest, é que soma muitas informações individuais ao seu tratamento ou como a prevenção a sua condição de saúde atual Através dele são detectados: • Pequenas infestações parasitológicas, que na maioria das vezes não aparecem no exame de fezes tradicional e que merecem ser eliminados por medicamentos específicos e na dose adequada; • Alergias ambientais, como ácaros, mofo, tintas, etc... • Alimentos, corantes e aditivos químicos que lhe causam alergias, como também são responsáveis por boa parte dos distúrbios gastrointestinais, causados pelo efeito cumulativo destes alimentos, ou seja, de uso diário; • Quais e quantos metais pesados lhe causam intoxicação. Um organismo com intoxicação por metais pesados e deficiente de elementos químicos, está em desequilíbrio, propiciando um excelente habitat para fungos, vírus e bactérias causadores de doenças. Hoje cientificamente sabe-se que os metais tóxicos são causadores em 95%, como fatores desencadeantes da doença de Alzheimer. • Deficiência de vitaminas e sais minerais, que em algumas fases de sua vida estes elementos, dão início ao processo de deficiência dos mesmos. Exemplos: - A ingestão de leite de vaca, em muitas pessoas é a causa de alergias e enxaquecas; - A depressão pode estar relacionada à intoxicação por metais pesados, e ou à presença de parasitas intestinais; - A obesidade muitas vezes está relacionada à intolerância alimentar, presença de parasitas intestinais ou intoxicação por metais pesados. Trata-se de um exame muito útil, indolor, não invasivo confiável e feito no consultório pelo próprio médico, que assim poderá diagnosticar, tratar e prevenir muitas doenças de forma rápida e segura. É, portanto, um excelente método diagnóstico e terapêutico indispensável aos médicos que seguem a linha da Medicina Integrada (Convencional e Natural). - Histórico A eletroacupuntura de Voll teve seus primórdios por volta de 1953, na Alemanha, com os trabalhos do Dr.Reinhold Voll. Em 1951, o médico nipônico Yoshio Nakatani desenvolveu um estudo sobre os meridianos, tratando os limites de normalidade e diagnosticando como alteraçãoes simpáticas e parassimpáticas. Voll pesquisou durante anos, visando relacionar os Pontos de Acupuntura com os achados anatomo-patológicos e laboratoriais, de modo a obter um sistema de diagnóstico próprio. Com o auxílio das “Técnicas Eletrônicas de Regulação Bioenergética”, os fenômenos bioenergéticos do corpo como temperatura, resistência cutânea, campos de força podem ser medidos de forma objetiva e reprodutível. O que é bioressonância: Com o exame de bioressonância mede-se a capacidade de resposta do organismo a um estímulo. Os resultados obtidos geram as seguintes respostas: - distribuição total de energia do corpo - potencial regenerativo-adaptativo deste organismo - comportamento energético de cada um dos órgãos O pequeno estímulo elétrico é emitido abaixo dos limites biológicos, para não alterar o estado bioelétrico do corpo. Um organismo saudável estabiliza a leitura por evitar a entrada da carga de medição do corpo. Para que serve este exame? Para diagnosticar as possíveis reações causadas pelos alimentos. Estas reações podem estar desencadeando sintomas variados como: excesso de peso, compulsão alimentar, rinite e sinusite, tosse crônica, gases, má digestão, constipação, azia, problemas de pele como acne e pele seca, insônia, fadiga, falta de energia, enxaqueca, ansiedade, irritabilidade e outros. Como se faz o exame ? O vegatest possui um microamperímetro de alta sensibilidade e precisão, sendo capaz de detectar minúsculas alterações de energia corpórea. O vegatest é composto pelo aparelho de bioressonância, cabos, placa de eletrodo, caneta com ponta detectora e colméia onde são colocados os alimentos dinamizados para serem testados. Neste exame a pessoa é examinada através de pontos específicos nos dedos da mão, sendo testados os alimentos um a um na colméia do aparelho, observando a respectiva reação causada pelo alimento através da energia da pessoa examinada. O que preciso para fazer o exame ? O exame tem duração aproximada de 60 minutos, a pessoa deve estar na condição normal de saúde, ou seja, sem febre ou enxaqueca. Após a realização do exame, a pessoa receberá o laudo com os alimentos aos quais ela é reativa, nas categorias benéficos, moderados e evitados. Iniciando uma mudança alimentar, estamos valorizando a vida. O tempo em que o nutricionista servia para calcular a necessidade de energia e elaborar um cardápio equilibrado já passou. Isso já não basta, a nutrição hoje está em crescente evolução, pois os trabalhos que estão sendo feitos dentro da medicina preventiva, e porque não, curativa, estão provando cada dia mais que a alimentação desempenha um papel fundamental em nossa saúde e bem estar. Não se fala em saúde sem pensar no todo. • Se estou descontente com a minha pele, e os meus cabelos estão quebradiços e sem vida, isso é um problema de saúde. • Se toda a vez que saio do banho, me deprimo ao pensar que apenas a calça preta fica bem, isso é um problema de saúde. • Se passo durante 15 dias no mês irritada e compulsiva isso é um problema de saúde. • Se meu sono é interrompido muitas vezes pelo ronco é um problema de saúde. "SAUDE É A CONEXÃO REAL DA CRIATURA COM O CRIADOR""
Vejam vídeo : https://www.youtube.com/watch?v=CaKQFXCc8dA

Alguns médicos fazem com o aparelho de Aurímetro tb! Muito bom!

Eu fiz e descobri várias intolerâncias minhas.