terça-feira, 15 de novembro de 2011

O benefício das Algas

Vamos falar de algas?...



A alga é um elemento bem presente na alimentação oriental. Você tem certeza disso ao ir a um restaurante de comida Japonesa. Nele você pode encontrar facilmente pratos contendo algas, como sushis, sashimis, temakis...

Mas infelizmente, no Brasil, não temos o hábito de acrescentá-la a nossa alimentação diária. Portanto a maioria das pessoas só consome algas quando vai a restaurantes orientais.

Que tal mudarmos esse hábito? Você sabia que as algas trazem milhares de benefícios para o nosso organismo, são ricas em vitaminas e minerais essenciais para o corpo e que se consumidas diariamente melhorarão sua saúde?!

Vamos entender um pouquinho mais sobre esse elemento verde?

Os benefícios

Os vegetais marinhos têm uma riqueza enorme em minerais, particularmente cálcio (são mais ricos em cálcio que os produtos LÁCTEOS) e em oligoelementos.  Seu teor de proteínas também é bastante elevado, assim como o teor de carboidratos e vitaminas, sendo que algumas algas possuem quantidades significativas de vitamina b12, que geralmente é encontrada em produtos de origem animal.

Vegetarianos

Portanto está ficando claro que seu consumo é muito importante, principalmente por vegetarianos, pois é uma opção de origem vegetal, com uma composição semelhante a alimentos de origem animal!

Emagrecimento e intestino:

Por sua grande proporção de fibras, as algas são uma boa opção para ajudar a regulação do intestino e na perda de peso. Mas lembre-se de sempre associar a ao consumo de água!

Forma de consumo:

No Brasil a forma mais comum de ser encontrada é a alga embalada (previamente lavada e seca). Para sere consumida, o ideal é deixá-la de molho para hidratação e regresso à consistência natural.

Dicas de consumo:

Experimente acrescentá-las a seu prato de salada, ou no arroz.
Faça um dia por semana, o dia da comida japonesa na sua casa, compre o peixe cru, as algas, o gergelim e se divirta!!!
Pode utilizá-la como um canapé no seu lanche da tarde: Alga + pasta de grão de bico + torrada integral.
Seja criativo, ouse na sua alimentação e descubra novas formas de acrescentá-la no seu dia!

Diferentes formas de algas:

Nori

Costuma ser vendida em folhas de aproximadamente 20cm. É a utilizada em sushis, sashimis, temakis...

Contêm grande quantidade de vitamina A, C e niacina.


Kombu

É uma das algas mais ricas em IODO, é consistente a mastigação, saborosa e salgada.

Wakame

Parece uma salsa seca, e é rica em vitamina C, niacina e cálcio.

Hiziki

Se apresenta em tiras cilíndricas de cor quase preta. É considerada uma das fontes mais ricas em minerais, especialmente CÁLCIO: 1400mg de cálcio em 100g da alga (Sendo que a necessidade diária de cálcio varia entre: 1000 a 1300mg – portanto se você consumir metade desta quantidade de alga associada a outras fontes de cálcio de origem vegetal, você irá suprir suas necessidades diárias de cálcio).

Chlorella

É uma microalga verde, excelente fonte de proteínas, vitamina b12, A e niacina, além da clorofila (que sabemos ser ótima para vitalidade) e minerais.

Ágar-ágar

É um subproduto obtido de espécies de algas. Muito utilizado para fabricação de geléias, ultimamente tem sido utilizado também para preparo de receitas sem glúten.

Spirulina

É uma das fontes naturais mais ricas em proteínas até hoje descobertas. Seu teor protéico é se assemelha ao da carne, do peixe e dos ovos. Além disso, possui composição de aminoácidos em proporções adequadas.

Complexo Kelp

Entre seus elementos destacam-se o iodo e a vitamina b12.

Referência:
  • Gonzales, A. P. Lugar de Médico é na Cozinha: Cura e Saúde pela Alimentação Viva. 12ª Ed. São Paulo: Alaúde, 2008,  p.106-109.