quarta-feira, 24 de agosto de 2011

Pequenos truques na cozinha- PARTE 1

Vi na revista M de Mulher NO BLOG DA KARLINHA alguns truques ótimos para melhorar o sabor dos alimentos e ficarem parecidos com os restaurantes.Adorei, várias coisas não sabia.
Compartilho com vocês agora.

Para a batata frita ficar bem sequinha…

Por Karla Precioso postado às 21h06

Essa dica é para deixar as batatinhas fritas bem sequinhas: crocantes por fora e macias por dentro.
Corte as batatas como de costume, seque-as em papel absorvente e reserve. Coloque o óleo para ferver, quando estiver bem quente, retire meia xícara (de chá) do óleo quente e misture meia colher (de sopa) de amido de milho. Despeje o óleo de volta na frigideira e em seguida coloque as batatas para fritar. Retire, deposite sobre papel absorvente e salgue a gosto.

Dicas para preparar um feijão de dar água na boca

Por Karla Precioso postado às 12h00


Para preparar um feijão gostoso, o pulo do gato está na escolha do grão: quanto mais novo, melhor ele vai cozinhar. Por isso, uma boa dica é não comprar feijão para estocar. Comprando frequentemente, é mais fácil encontrar grãos novos.
Os tipos:
Diversos são os tipos de feijão: jalo, rajado, rosinha, mulatinha, de corda, adzuki — uma espécie japonesa levemente adocicada, ideal para bolinhos, cozidos e saladas — e os mais comuns, como o preto (que reina na feijoada), o branco (para sopas e saladas) e o carioca (o mais comum no dia a dia).
Dicas para um feijão de dar água na boca:
O primeiro passo para preparar o feijão é escolhê-lo, para retirar eventuais pedrinhas, sujeiras e grãos defeituosos. Em seguida, coloque-o de molho, coberto com água, por pelo menos 4 horas. Descarte a água do molho e leve-o em nova água ao fogo, para cozinhar em panela de pressão. Cozinhe por cerca de 20 minutos, ou até que o grãos estejam macios. Em outra panela, aqueça o óleo, doure o alho e junte uma concha do feijão já cozido. com a concha, esmague levemente os grãos (isso ajuda a engrossar o caldo), acrescente uma folha de louro e o restante do feijão. Tempere com sal e pimenta-do-reino, baixe o gosto, tampe a panela e deixe cozinhar mais um pouco, até o caldo engrossar. Hum, fica divino!
Um toque a mais
O feijão ganha sabor especial se levar um pouquinho de bacon picado ou linguiça calabressa. Nesse caso, o bacon e a calabresa vão para a panela sem óleo.

É fácil preparar frutas cristalizadas

Por Karla Precioso postado às 15h00

Com as festas de final de ano se aproximando, o preço das frutas cristalizadas dispara. Quer uma alternativa para economizar dinheiro? Prepare em casa essas delícias! Seguindo algumas dicas, você verá que é fácil, fácil. Vamos lá:
Cristalizar frutas nada mais é do que mantê-las submersas em uma solução com grande quantidade de açúcar — o que as conserva e lhes dá um sabor adocicado. Anote a receita:
Para obter o ‘xarope’, caramelize 1 litro de água com 1 kg de açúcar. Coloque 500 g de pedaços ou de frutas inteiras em um escorredor dentro de uma panela de aço inoxidável e cubra-as com o xarope. Deixe repousar por 1 dia, retire as frutas e seque-as. Em seguida, ferva novamente o xarope e torne a jogá-lo sobre as frutas. Repita esse processo 5 vezes e, na última vez, deixe o xarope engrossar mais. Quando prontas, coloque as frutas sobre uma greha e deixe que sequem bem.
Dicas
* Com exceção dos morangos, as demais frutas silvestres não são próprias para serem cristalizadas, pois são muito macias.
* As uvas devem ser furadas para que a solução de açúcar possa penetrar.
* Fatias de laranja e limão são ristalizadas com a casca.

Como preparar um pão caseiro macio, macio

Por Karla Precioso postado às 13h16
Foto Ormuzd Alves
Foto Ormuzd Alves
Presente na mesa da grande maioria dos brasileiros, o pão é hoje um dos alimentos mais apreciados. Também, pudera, só aquele cheirinho irresistível que se espalha pela casa… Assim é o pão caseiro quando sai do forno. Mão na massa e… resista, se puder:
 Nunca coloque toda a farinha pedida na receita de uma só vez. Dependendo da qualidade, da temperatura do dia e do tamanho dos ovos , a massa pode ficar dura.
 Para que o pão cresça por igual, use os ingredientes sólidos na temperatura ambiente. Já os líquidos devem estar mornos.
 Para verificar se a massa está crescida aperte-a com o dedo. Se ficar marca, está pronta para ir ao forno. O truque de colocar uma bolinha de massa num copo com água também funciona. Se a massa subir, é sinal que cresceu o suficiente.
 Sempre preaqueça o forno antes de levar o pão para assar. Mantenha a temperatura alta por 10 minutos e, em seguida, abaixe-a até que o pão esteja dourado.
 Caso o pão doure muito rápido, termine de assá-lo coberto com papel-alumínio, sem apertar, tomando o cuidado de deixar a parte brilhante voltada para o alimento.
 PARA A MASSA CASEIRA FICAR NO PONTO
Peneire a farinha sobre o local que irá manusear a massa, formando um monte. Faça uma cavidade o centro e coloque os ovos. Acrescente o óleo e o sal.
 Antes de juntar os ovos à massa, misture-os ao óleo e ao sal com os dedos.
 Trabalhe com ela até que esteja consistente. Divida a massa em duas, coloque uma das partes sobre uma superfície polvilhada e trabalhe-a com a base da mão.
 Amasse de 05 a 10 minutos, até a massa esteja elástica e não grude mais. Repita o processo com a outra parte.
 Junte os dois pedaços, formando uma bola. Cubra com um pano seco e deixe descansar por cerca de 1 hora.

O pão murchou? Dá pra deixá-lo crocante novamente!

Por Karla Precioso postado às 17h17
O pão amanhecido ganha crocância novamente com um truque bem simples. Foto Ormuzd Alves
O pão amanhecido ganha crocância novamente com um truque bem simples. Foto Ormuzd Alves
Você não precisa mais jogar fora o pão velho. Dá pra recuperar aquelas casquinhas crocantes e deliciosas,Sabe como? Anote:
- Passe água sobre o pão, embrulhe-o em folha de alumínio e leve ao forno médio por uns 10 minutos ou até que ele fique macio ao toque. Humm, além de crocante, a manteiga vai derreter!
- Se preferir, você pode transformar o pão velho numa saborosa farinha de rosca. Basta congelá-lo e, em seguida, passá-lo no ralador. Pronto, você já tem a farinha pronta  para seus quitutes.
Outras dicas – Pão feito em casa
- Coloque a quantidade exata de sal quando fizer pão — em excesso, mata o fermento; pouco, faz a massa subir muito depressa.
- A massa de pão deve ser coberta para crescer. Pode-se usar um pano de prato úmido ou filme plástico.
- Para que o pão asse mais depressa, aqueça a farinha no forno antes de fazer a massa.
- Para uma crosta quebradiça, pincele óleo no pão antes de levá-lo ao forno.
Bom apetite!
PODEMOS TENTAR ESTAS DICAS COM O PÃO SEM GLÚTEN.

Dicas para deixar o bolo bem fofinho

Por Karla Precioso postado às 21h17


Foto Ormuzd Alves
Foto Ormuzd Alves

Prepare a massa

. Acenda o forno e unte a fôrma
Esse é o primeiro passo do processo. Os bolos crescem mais se forem assados logo após o preparo. A não ser que a receita dê outra indicação, mantenha a temperatura em 180 ºC. Forno alto ou baixo demais deixam o bolo murchinho…
. Peneire os itens para não empelotar
Isso vale para os ingredientes secos (açúcar, farinha, fermento, chocolate em pó etc.).
. Use ingredientes na temperatura ambiente
Ovos, leite e manteiga não devem estar gelados.
. Bata as claras até que fiquem firmes
Misture-as delicadamente com uma colher de pau ou uma espátula de silicone.
. Adicione o fermento em pó só no final
Ele deve ser o último item incluso na massa. Guarde-o em local seco e fresco, fora da geladeira. A mudança de temperatura faz o fermento ficar alterado.
. Cubra o bolo depois de tirá-lo do forno
Use um pano seco e coloque o bolo coberto sobre o fogão. Nunca coloque-o em bancadas frias, porque a mudança brusca de temperatura faz a massa murchar.

6 dicas infalíveis

. Não unte com farinha
Use farelo de aveia para ter mais fibras e dar uma textura diferente à receita.
. Fure com garfo para dar maciez
O bolo amanhecido ou ressecado ficará mais macio. Outra dica é regá-lo com ½ copo (americano) de guaraná.
. Acrescente maçã à massa
Para que o bolo fique molhadinho, adicione uma maçã ralada.
. Não deixe o creme escorrer
Antes de cobrir o bolo com glacê, polvilhe amido de milho sobre ele.
. Faça bom uso das sobras
Elas viram deliciosos biscoitos: basta cortar em pedaços pequenos e levar ao forno para torrar.
. Troque farinha por fécula de batata
Substitua apenas metade da medida. O bolo ficará mais leve e com um sabor bem especial.

Enquanto o bolo assa…

.É proibido abrir o forno nos primeiros 15 minutos.
. É recomendável cobrir o bolo com papel-alumínio se a superfície corar antes que a massa termine de assar. A parte brilhante deve estar voltada para o bolo. Deixe-o em forno brando até terminar de assar.

Como aproveitar as sobras dos alimentos e preparar um cardápio nutritivo e econômico

Por Karla Precioso postado às 11h00
Folhas e talos dão sabor a croquetes fáceis de preparar. Foto Ormuzd Alves
Folhas e talos dão sabor a croquetes fáceis de preparar. Foto Ormuzd Alves
Não descarte talos, folhas e cascas! Desprezá-los significa muitas vezes perder a maior parte dos nutrientes do alimento. Então, incorpore-os em sua alimentação! Com uma pitada de  criatividade, dá para preparar um cardápio completo, delicioso, nutritivo e super baratinho. Bom, né? Para te ajudar, aqui vai uma receitinha:
Bolinho de folhas e talos (talos de couve, agrião, espinafre, brócolis e folhas de cenoura, couve-flor, rabanete e beterraba)
1 cebola picada
2 dentes de alho amassados
3 xícaras (chá) de talos e folhas bem picados
1 xícara (chá) de leite
4 colheres (sopa) de farinha de trigo
Sal e pimenta-do-reino a gosto
1 pitada de noz moscada
1 punhado de cheiro-verde picado
óleo para refogar e para fritar
Faça um refogado com a cebola, o alho e os talos e folhas. Acrescente a farinha misturada com o leite e deixe cozinhar, mexendo sempre, até formar uma mistura homogênea. Tempere com sal e pimenta e acrescente a noz-moscada. Por fim, junte o cheiro-verde. Leve ao fogo uma panela com óleo para esquentar e, com a ajuda de duas colheres, faça os bolinhos e frite-os no óleo bem quente. Retire-os com uma escumadeira e coloque-os em uma travessa forrada com papel absorvente.
http://mdemulher.abril.com.br/