sábado, 13 de agosto de 2011

ATENÇÃO DIABÉTICOS!!


Carne vermelha induz a diabetes!!

Comer um bife ou uma salsicha por dia aumenta o risco de desenvolver diabetes tipo 2 segundo pesquisa do AJCN. Mas substituir a porção diária de carne por laticínios "magros" e grãos integrais reduz esse perigo. As conclusões são do maior estudo já feito sobre o assunto, com dados de cerca de 300 mil pessoas, acompanhadas desde a década de 1970. Segundo o estudo, quem come 100 g de carne vermelha (um bife) tem risco 19% maior de ter diabetes tipo 2, em comparação com quem consome menos do que isso.

Já as carnes processadas, como salame e mortadela, foram consideradas mais prejudiciais: 50 g diários (uma salsicha) podem elevar o risco de diabetes em 51%. Os pesquisadores notaram que aqueles que consumiam mais carne vermelha tinham mais chance de ser fumantes, mais gordos e sedentários. Mas mesmo que todos os participantes da pesquisa tivessem o mesmo IMC (Índice de Massa Corporal) o consumo de carne ainda aumentaria o risco de diabetes tipo 2.

FERRO

Uma das explicações possíveis é que o chamado ferro-heme, presente nas carnes vermelhas, causa danos às células beta do pâncreas, que produzem a insulina. Além disso, o ferro acumulado induz a hemocromatose que pode lesar o pâncreas. Os pesquisadores dizem ainda que os aditivos quimicos (especialmente os nitratos) presentes nas carnes são tóxicos para as células beta.

Fonte: Red meat consumption and risk of type 2 diabetes: 3 cohorts of US adults and an updated meta-analysis. Am J Clin Nutr October 2011 ajcn.018978; First published online August 10, 2011.