De Guloseimas sem Glúten
As farinhas que não contém glúten usadas mais comumente no preparo de pratos sem glúten são:
Farinha ou Creme de Arroz
Fécula de Batata
Fécula de Mandioca ou Polvilho Doce
Polvilho Azedo
Fubá
Farinha de Milho
Amido de Milho
Araruta
E outras: farinha de banana verde, farinha de quinua, farinha de coco...
Observação:
Fécula de mandioca é a mesma coisa que polvilho doce, mas polvilho doce não é o mesmo que polvilho azedo. O polvilho azedo é o polvilho doce que foi fermentado. Por isso, as características deles são diferentes. Não substitua o polvilho doce pelo azedo, pois pode dar errado! Mas a fécula de mandioca pode ser substituída pelo polvilho doce.
Curiosidade:
“Fécula” é praticamente a mesma coisa que “Amido”. Entretanto, chama-se de FÉCULA o amido obtido de tubérculos e raízes. Já o AMIDO é obtido da parte aérea das plantas. Exemplo:
Fécula de mandioca é obtida da mandioca que é uma raiz.
Fécula de batata é obtida da batata que é um tubérculo.
Amido de milho é obtido do grão do milho que fica na parte aérea da planta.
Tubérculo é o caule arredondado sem raízes e sem folhas que algumas plantas verdes desenvolvem abaixo da superfície do solo, geralmente como órgãos de reserva de energia (na forma de amido), como é o caso da batata.
RECEITAS:
a)      Misturar muito bem e guardar em recipiente bem fechado longe de umidade:
300g de farinha ou creme de arroz;
200g de polvilho doce ou fécula de mandioca;
100g de fécula de batata;
2 colheres de chá cheias de Goma Xantana equivalente a 8g de goma xantana;
1 colher de chá cheia de CMC equivalente a 4g de CMC (Carboximetilcelulose =  expessante para fins alimentícios).
b)      Misturar muito bem e guardar em recipiente bem fechado longe de umidade:
1kg de farinha ou creme de arroz;
330g de fécula de batata;
165g de araruta.
c)      Misturar muito bem e guardar em recipiente bem fechado longe de umidade:
3 xícaras de farinha ou creme de arroz;
1 xícara de fécula de batata;
½ xícara de fécula de mandioca ou polvilho doce.
d)      Misturar muito bem e guardar em recipiente bem fechado longe de umidade:
2 xícaras de farinha ou creme de arroz;
¾ xícara de fécula de batata;
¼ xícara de fécula de mandioca ou polvilho doce.
e)      Misturar muito bem e guardar em recipiente bem fechado longe de umidade:
3 caixas de farinha ou creme de arroz (600g);
1 caixa de fécula de batata (200g);
1 xícara de fécula de mandioca ou polvilho doce (100g).
f)        Misturar muito bem e guardar em recipiente bem fechado longe de umidade:
500g de farinha ou creme de arroz;
250g de fécula de mandioca ou polvilho doce.
g)      Misturar muito bem e guardar em recipiente bem fechado longe de umidade:
1kg de farinha ou creme de arroz;
500g de fécula de mandioca ou polvilho doce;
300g de fécula de mandioca.
Dicas:
Existem algumas receitas que mostram as quantidades de cada farinha. Outras generalizam, escrevendo apenas Farinha Sem Glúten. Neste caso, pode-se testar qualquer mistura de farinha sem glúten.
Dependendo do objetivo final da massa, uma mistura pode ser melhor para o preparo de um prato, enquanto que para outro prato necessita-se de outra mistura. Este ponto é que, às vezes, desanima quem está iniciando na culinária sem glúten, mas é uma questão de paciência e perseverança. O lema é não desistir! Ir trocando um ingrediente pelo outro até chegar num final que agrade. Já em termos de farinhas sem glúten prontas, encontradas no mercado, vale ver a composição de cada marca e experimentar nas receitas e ver qual delas é mais apropriada para cada receita... tudo dependendo do desejado final!

FONTE:

www.vidassemglutenealergias.com

www.acelbra.org.br